Avante

  /  AZUL   /  Nossa Rede impactará mais de 100 mil alunos

Nossa Rede impactará mais de 100 mil alunos

Nossa Rede impactará mais de 100 mil alunosEm plena celebração pelo Dia do Professor, um grande passo na educação foi dado pela Prefeitura e docentes nessa quinta-feira (15) com o Nossa Rede, projeto pedagógico construído pela própria rede municipal de ensino. O lançamento da iniciativa foi realizado no Hotel Fiesta, no Itaigara, com as presenças do prefeito ACM Neto, da vice-prefeita Célia Sacramento e do secretário municipal de Educação, Guilherme Bellintani, além de representantes de entidades parceiras e de professores. O evento contou ainda com apresentações artísticas que reuniu nomes como o maestro Letieres Leite e a cantora Margareth Menezes.
O Nossa Rede é uma ação prevista no Projeto Combinado e visa melhorar a qualidade da educação pública municipal e tem por objetivos a elaboração das novas diretrizes curriculares da Educação Infantil, que comporta cerca de 20 mil alunos, e do Ensino Fundamental I, que atualmente atende a mais de 81 mil alunos na rede municipal de educação. Além disso, serão elaborados 80 cadernos pedagógicos das disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática e demais materiais que farão com que mais de 100 mil alunos matriculados nas escolas municipais de Salvador aprendam da mesma maneira. O processo de criação conta com o apoio de parceiros como a Avante, Instituto Chapada de Educação e Pesquisa (ICEP) e a Pracatum.
O prefeito ACM Neto destacou que esta é a realização de um sonho e considera o passo mais importante para fazer uma revolução na qualidade do ensino da capital baiana. “Neste Dia do Professor, estamos escrevendo uma história que será lembrada por futuras gerações. É um projeto construído não por um governo, mas por toda a cidade e que traduz Salvador, refletindo o pensamento e o sentimento da rede de ensino. É uma conquista definitiva da educação pública de Salvador. Muito obrigado de coração a cada um dos professores municipais por participarem desta iniciativa”, complementou.
O secretário municipal da educação Guilherme Bellintani, destacou que o Nossa Rede possibilita importantes ações de grande importância: A adoção do conteúdo próprio que respeita os conhecimentos e a cultura de Salvador, sua história e a música. E ainda a grande mobilização de mais de 4 mil profissionais da rede que doaram toda a sua experiência para a elaboração do material que será aplicado da mesma maneira em todas as escolas que possuem Educação Infantil e Ensino Fundamental I. A outra ação destacada por Bellintani é questão da economia gerada com a adoção do conteúdo próprio em sala de aula. “Só para se ter uma ideia, o custo anual de material pedagógico como este produzido por editoras seria de R$14 milhões. Com o Nossa Rede, o custo será de R$6,3 milhões para produção durante dois anos e mais os valores de impressão, que estimamos em R$3,5 milhões por ano”.
Participaram ainda do evento a diretora-presidente do ICEP, Cibele Amado; a consultora da Avante, Maria Thereza Marcilio; o vice-reitor da Universidade Federal da Bahia (Ufba), Paulo Miguez; a representante do Fórum de Gestores, Tâmara Batalha; a representante da APLB Sindicato, Ana Angélica Bastos; a coordenadora do projeto Arte no Currículo/Ufba, Beth Fraga; e a diretora pedagógica da Secretaria Municipal da Educação (Smed), Joelice Braga.
Metodologia – O modo como o Nossa Rede está sendo construído é pioneiro na educação pública brasileira. Com foco na participação e criação colaborativa, a elaboração do novo material pedagógico está sendo produzido dentro de uma visão de respeito aos valores das identidades culturais de Salvador e suas peculiaridades. O novo conteúdo pedagógico será embarcado em cadernos que serão produzidos a partir das experiências prévias dos educadores que vivenciam o dia a dia da rede municipal de ensino. Para a Educação Infantil, serão produzidos materiais como álbum de fotografias da família, agenda da criança e maleta com material didático. Já para o Ensino Fundamental I, serão produzidos 80 cadernos de Português e Matemática para alunos e professores, a serem aplicados em cada bimestre. A empresa para impressão do material será licitada.
Para a construção do projeto, mais de 4 mil professores participaram dos Grupos de Trabalho realizados nas dez Gerências Regionais, e os demais fazem a colaboração via Grupos de Trabalhos Regionais ou através de uma Plataforma Virtual. Com o Nossa Rede, serão beneficiados mais de 100 mil alunos que estão na Educação Infantil e Ensino Fundamental I, e dá voz para mais de 4 mil professores, 540 coordenadores pedagógicos e 332 gestores escolares que já participam ativamente do processo de elaboração dos cadernos pedagógicos.
 
Fonte: Secretaria de Educação de Salvador.