Avante

  /  CINZA   /  Pesquisa Mostra que 99% das pessoas com Síndrome de Down se consideram felizes

Pesquisa Mostra que 99% das pessoas com Síndrome de Down se consideram felizes

BannerDia21Final01“A Síndrome de Down tem um cromossomo a mais, o cromossomo do amor”. Esta é frase tem circulado pelas redes sociais e pode ser uma boa explicação para o sorriso constante e a amorosidade dos que nascem com o tão falado cromossomo 21. Tudo, até então, não passava de suposições sobre esta felicidade constante – talvez inocência, talvez sabedoria. Até que o site do Movimento Down divulgou em seu site e fez correr nas redes sociais o resultado de uma pesquisa publicada no American Journal of  Medical Genetics que aponta que 99% das pessoas com este cromossomo a mais disseram ser felizes com a própria vida.
A pesquisa teve como objetivo entender o impacto nas famílias da chegada de um filho com Síndrome de Down e também o impacto da Síndrome na felicidade dos próprios indivíduos. “Foram entrevistados 2400 pais de pessoas com a síndrome: 99% declaram amar os filhos, 97% disseram sentir orgulho dos filhos, 79% disseram enxergar a vida de uma forma mais positiva por causa de seus filhos. No universo destes 2400 entrevistados, apenas 5% disseram sentir vergonha de seus filhos e 4% se disseram arrependidos de tê-los deixado nascer”.
Saiba mais sobre a pesquisa no site do movimento, clique aqui