Avante

  /  Home Page   /  Mães de Primeira Viagem de Jardim Santo Inácio sonham e planejam futuro

Mães de Primeira Viagem de Jardim Santo Inácio sonham e planejam futuro

Prestes a completar a jornada no bairro Jardim Santo Inácio (depois de passar pelos bairros de Pirajá, São Bartolomeu e Calabetão), o projeto Mães de Primeira Viagem: proteção integral à gravidez na adolescência estimulou a construção de “projeto de vida” no grupo de acolhimento psicossocial de adolescentes grávidas do bairro. A atividade permitiu que as recém e futuras mães mergulhassem numa autorreflexão como meio de planejar e partilhar sonhos com vistas a torná-los realidade.
O encontro aconteceu na segunda feira, 24 de agosto, e foi pensado para, a partir da construção da linha de vida de cada uma, levá-las a refletir sobre: quem foram; quem são; e quem desejam ser. “Dentro desse último ponto, propus uma sensibilização e compartilhamento de sonhos, associada à construção de um instrumento que as ajudassem no planejamento das ações para torná-los realidade”, conta a psicóloga Fernanda Pondé, integrante da equipe da Avante – Educação e Mobilização Social, responsável pelo grupo.
Dentre os sonhos citados pelas adolescentes destacam-se: fazer faculdade, mudar para o interior, comprar casa própria e conseguir trabalho para oferecer uma vida confortável ao filho. Camila Nascimento, 15 anos, por exemplo, é uma das que sonham em voltar a estudar. “Quero chegar à faculdade, mas preciso terminar o ensino fundamental. Quero poder trabalhar, sustentar minha família e ajudar minha mãe”, disse.
Na conversa que se seguiu, o sonho de Camila Nascimento foi colocado dentro de uma perspectiva de realidade. “Entendi que teria que conversar com meu marido e toda minha família para poder organizar os próximos passos. E foi legal porque recebi o apoio deles”, conta. Ela acrescentou que só está esperando sair do “resguardo” para voltar a estudar. Sua filhinha, Caline Vitória, nasceu no dia 26 de agosto.
A adolescente, Maiane Santos, 14 anos, também aproveitou a atividade para compartilhar seus sonhos. “Primeiro quero unir minha família, que é muito desunida, para que meu filho tenha um ambiente bom para crescer. Segundo, eu quero ser cantora gospel”, contou. Para ela, somente o fato de desabafar foi um ganho que a atividade deu para as mães de primeira viagem. Além disso, a atividade lhe fez ter a atitude de falar com a família e examinar a realidade na prática. “Estou buscando saber se realmente tenho voz para ser cantora”, explicou.
Calabetão
‪O projeto Mães de Primeira Viagem encerrou suas atividades com a realização de cinco encontros de ‪‎prevenção da gravidez na adolescência, realizada na escola Municipal Leovicia Andrade, no bairro do Calabetão.  Fizeram parte das atividades realizadas com os estudantes: construção de cartazes sobre conteúdos aprendidos e compartilhamento das aprendizagens por meio da fixação dos cartazes nas paredes da escola; e bate-papo com mães recém-paridas.
O projeto Mães de Primeira Viagem é uma realização da Avante – Educação Mobilização Social, Instituto Camargo Corrêa e Consórcio Mobilidade Bahia, do qual faz parte a Construtora Camargo Corrêa. Com a finalização do primeiro grupo operativo no bairro de Pirajá, um novo grupo foi iniciado em 25 de março com adolescentes moradores do Parque São Bartolomeu, que se reunirão no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do Lobato, em Salvador.