Avante

  /  AZUL   /  EAD Paralapracá é apresentado em Congresso Internacional

EAD Paralapracá é apresentado em Congresso Internacional

EAD Paralapracá é apresentado em Congresso InternacionalA coordenadora do AVA (Ambiente Virtual de Aprendizagem) do Paralapracá está participando desde o dia 25, até a quinta feira (29 de outubro), do 21° Congresso Internacional de Educação a Distância, que acontece em Bento Gonçalves (RS), organizado pela Associação Brasileira de Educação a Distância (ABED). Na terça (27), foi apresentada a experiência EaD do projeto – Ead Paralapracá: Educação a distância, sem distância, em meio a uma vasta programação que incluiu: minicursos, apresentação de trabalhos científicos, apresentações de iniciativas bem sucedidas, mesas redondas, debates, lançamento de livros, entre outros. Além de uma Expo-EAD com cerca de 1.000 m2 de área total para exposição de fornecedores de produtos e serviços para EAD, projetos de EAD de instituições acadêmicas, corporativas e do setor governamental, que tem por objetivo atualizar o participante quanto ao estado da arte da educação a distância.
“O momento foi oportuno para apresentarmos ao grupo presente a concepção e implementação do projeto, pelas mentes e coração do Instituto C&A, em parceria técnica e executiva da Avante – Educação e Mobilização Social”, conta Llilian Galvão, responsável pela apresentação da experiência no evento. “Foi uma alegria compartilhar que somos um time de assessoras, técnicas das redes, coordenações, secretários/as de educação comprometido com a Educação Infantil. E temos a sorte de contar com o apoio de parceiros externos (muito presentes), como a Move – Avaliação e Estratégia em Desenvolvimento Social [empresa responsável pela avaliação do projeto] e o coletivo Entremeios [instituição que desenvolveu a plataforma moodle (Ambiente Virtual de Aprendizagem – AVA)]. Lilian declarou, ainda, sua satisfação de ser a voz da primeira infância e defensora de uma Educação Infantil de qualidade em um Congresso que focaliza com maior ênfase a educação superior.
O Congresso Internacional ABED de Educação a Distância está em sua 21° edição e tem por objetivo estimular seus associados (e outros interessados) a pensar com ousadia, imaginação e espírito desafiador sobre medidas que um Ministro de Estado poderia adotar para catapultar a EAD a uma posição de real destaque, contribuindo para o crescimento qualitativo da educação no país.
EAD Paralapracá
A educação a distância do Paralapracá foi implementada no final do ciclo I quando as coordenadoras pedagógicas dos municípios de Jaboatão dos Guararapes e Teresina, participantes deste ciclo do projeto, passaram a receber uma formação presencial específica relativa à qualificação de registros, bem como uma formação complementar a distância, por meio da plataforma Moodle.
No segundo ciclo a formação foi ampliada e ficou acessível às coordenadores pedagógicas dos cinco municípios atendidos (Camaçari – BA, Maceió – AL, Maracanaú – CE, Natal – RN e Olinda – PE) e demais formadores que atuam nas redes municipais de educação parceiras do Paralapracá. Os focos temáticos da formação vão desde a discussão sobre o papel do coordenador pedagógico até a experimentação de atividades nos diversos eixos propostos pelo Paralapracá (Assim se Faz Artes Visuais, Assim se Faz Música, Assim se Faz Literatura, Assim se Explora o Mundo, Assim se Organiza o Ambiente e Assim se Brinca). A opção foi pela construção de um ambiente que preza pelo diálogo, pela troca e pela construção coletiva de conhecimentos, e isso se traduz em um layout leve, conteúdos objetivos e muito espaço para conversa.
A plataforma possibilita, também, uma interlocução com os conteúdos do site do projeto: informações institucionais sobre o Paralapracá e os municípios do ciclo I e ciclo II; acesso aos materiais da Mala e do Baú Paralapracá, notícias, registros de experiências pedagógicas, culturais e da formação continuada dos coordenadores pedagógicos nos municípios; além de publicações e vídeos de referência indicados pelo projeto com o intuito de colaborar com a qualificação dos profissionais que atuam ou se interessam pela Educação Infantil.
Educação infantil de qualidade Brasil
A inserção da educação a distância no Paralapracá possibilitou uma maior articulação entre os profissionais da Educação Infantil dos cinco municípios do Nordeste atendidos pelo projeto. Além de tornar possível o sonho de levar a proposta de uma Educação Infantil de qualidade para outros pontos do Brasil.
Assim, em 2015, a tecnologia social do projeto, desenvolvida a partir da parceria técnica com o Instituto C&A, ​foi transferida para a Avante – Educação e Mobilização Social, passando​ a integrar o Guia de Tecnologias Educacionais do Ministério da Educação (MEC), ​o que confere notório saber à instituição na formação continuada de profissionais d​a​ educação infantil. O projeto, então, ganha um novo formato – Programa Paralapracá Brasil.
“Foi uma grande emoção compartilhar que o Paralapracá agora é uma tecnologia reconhecida pelo MEC. O que valida o notório saber e aponta: estamos no caminho certo!”, finaliza a coordenadora do AVA do Paralapracá.